Self-service: Um mundo com check-in automático e operações de câmbio no digital

Recentemente a Latam comunicou a abolição do processo de check-in nos voos nacionais, ou seja, o processo de registro de entrada do passageiro – apresentação dos documentos e bagagens no balcão do aeroporto. Hoje passa a funcionar com outro método, o check-in automático.

Todos os clientes, ao finalizar a compra da passagem aérea pelos sites e aplicativos, já recebem o cartão de embarque. E caso surja qualquer mudança nas informações sobre o voo do momento da compra até o embarque, o passageiro será notificado, e seu bilhete atualizado automaticamente.

Além disso, a empresa começou a implantar o serviço de self bag drop, no qual os próprios clientes fazem o despacho e etiquetagem das suas bagagens, prática comum em outros mercados, como os Estados Unidos, mas ainda pouco usado no Brasil.

Os serviços passam por modificações constantemente para se encaixar aos novos comportamentos dos consumidores, e isso é sempre bem-vindo, mesmo que em algumas circunstâncias geram adaptações. Geralmente, ao vermos os processos serem alterados para versões melhores, acaba surgindo aquela pergunta, “porque isso não foi sempre assim!?”.

Quando associamos a necessidade de os processos serem mais rápidos e práticos para atender as expectativas, descobrimos que a tecnologia está muito associada à todas as modificações, podemos citar como exemplo, o PIX. Anteriormente, era necessário esperar a compensação no horário bancário, hoje podemos realizar uma transferência em qualquer horário, e o destinatário recebe em segundos.

Câmbio Online? Isso mesmo!

Toda essa evolução impactou também o mercado do câmbio, dando tchau à burocracia no processo dentro das operações cambiais, além da exclusão de cobrança das taxas bancárias.

Outrora existia poucos modos de comprar moedas internacionais e/ou enviar dinheiro para fora do Brasil, mas atualmente é possível realizar todo esse processo online, sem precisar de um atendimento, seja de um gerente de banco ou especialista.

Isso mesmo!

Hoje é possível adquirir o câmbio de forma online, por meio de uma plataforma intuitiva ligada ao nosso sistema interno. Em instantes você envia dinheiro para qualquer lugar do mundo, compra papel moeda com direito a entrega delivery e ainda não paga taxas abusivas.

Conheça mais das vantagens que tem com a Câmbio Online:

• Comodidade e segurança;

• Você mesmo pode fazer a operação cambial em um processo rápido e simples;

• Não precisa esperar para ser atendido por alguém e realizar e/ou acompanhar suas operações;

• Cotação exatamente igual a que você teria ao telefonar, proporcionando ganho de tempo;

• Aprovação de cadastro em tempo real;

• Todas as aprovações e validações de forma automática, estão dentro dos parâmetros do Banco Central, o órgão regulador do câmbio.

• Você pode programar sua remessa hoje mesmo e fazer as próximas sem a necessidade de se cadastrar novamente, basta logar na plataforma e colocar a senha;

• Menor custo, uma vez que a cotação de câmbio comercial é mais barata que a mesma para o câmbio turismo.

Ficou interessado? Entre em contato. ????

Maria Clara

Maria Clara

Fique por dentro de todo
conteúdo e Descontos

Outros assunto relacionados

Envie dólar australiano e canadense pela Câmbio Online
A partir de hoje (19), a Câmbio Online conta com o envio do dólar australiano (AUD) e o dólar canadense...
Como e por que estudar na Austrália?
A Austrália é um dos melhores lugares para quem deseja fazer intercâmbio, por oferecer uma excelente...
IOF: O que é, quanto e quando é cobrado?
O IOF é imposto que está presente em operações financeiras comuns do nosso dia a dia como, um financiamento,...